terça-feira, 11 de novembro de 2014

Polícia Militar terá mais 1 mil soldados até o fim do ano


Até o fim do ano, mais 1 mil soldados estarão prontos para atuar no policiamento ostensivo no estado. Eles estão sendo preparados no Centro de Formação de Praças (Cfap), em Sulacap, onde têm aulas teóricas e práticas. A grade de disciplinas do curso foi reformulada para atender às demandas da política de polícia de proximidade. Cerca de 4,1 mil PMs já se formaram em 2014. Em 2015, a meta será preparar 6 mil profissionais.

O conteúdo do curso têm passado por constantes avaliações com o objetivo de aprimorar cada vez mais a formação dos novos integrantes da Polícia Militar do Rio. Atualmente, a capacitação dura 27 semanas e engloba 32 disciplinas, que incluem aulas como Polícia Cidadã, Direitos Humanos, Tipos de Policiamento, Sociologia Criminal e Uso de Armas Não-Letais.

– Temos hoje uma grade ajustada à matriz curricular da Secretaria Nacional de Segurança Pública, que privilegia uma abordagem do policial mais pautada em técnicas de mediação e resolução pacífica de conflitos. O policial deve ser capaz de compatibilizar o respeito aos direitos civis com a efetividade da atuação policial – explicou o coronel Antônio Carlos Carballo Blanco, diretor-geral de Ensino e Instrução da Polícia Militar.


 Polícia de proximidade muda filosofia da PM

Soldado em formação, Michele de Carvalho Ferreira, de 31 anos, acredita que a preparação baseada em uma polícia de proximidade é o grande diferencial da PM do Rio.

– Estamos inseridos em um contexto de transformação da Polícia Militar. Uma das aulas mais interessantes para mim é a de Sociologia Criminal. Nela, tentamos entender porque um criminoso seguiu este caminho. Outra que gosto muito é a de Direitos Humanos – disse a aluna.

Estudando no Cfap há cerca de cinco meses, Erivelton Lima Silva, de 34 anos, está empenhado em absorver todo o conteúdo dado em sala de aula para levar às ruas.

– É um intenso aprendizado. Aqui nos transformamos em técnicos de segurança pública – afirmou o futuro PM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.