segunda-feira, 18 de agosto de 2014

Piloto de Paraíba do Sul-RJ é campeão do Ibitipoca Off-Road 2014


O Piloto Marcos Leal, de Paraíba do Sul-RJ, juntamente com o navegador Leonardo Martins de Santos Dumont-MG, foram campeões do Ibitipoca Off-Road na categoria CARROS - TURISMO.
O Ipiranga IOR 25 Anos – Edição Histórica, que aconteceu no ultimo final de semana, reuniu 400 motos e 70 carros em dois dias de prova (dias 02/08 e 03/08), nas trilhas entre as cidades Juiz de Fora e Lima Duarte e pernoite no distrito de Conceição de Ibitipoca, na Zona da Mata de Minas Gerais. O rali mais charmoso do Brasil teve supervisão das Federações Mineiras de Motociclismo e Automobilismo. Nas motos, a prova reuniu os melhores pilotos do estado e do Brasil, decidindo o Estadual de Regularidade e contando pontos para a Copa Estrada Real Off Road, esta de caráter regional.
“Acho que conseguimos marcar essa data histórica com um evento bem profissional”, revelam Manoel e Thiago Resende, coordenadores do evento. A equipe técnica da prova reúne ainda Saulo Santana, Anderson Boka Santiago e Wagner de Paula como diretores de prova, de cronometragem e de apuração.
Na festa de chegada domingo, dia 3, várias atrações encantaram um grande público na Suprema, desde a chegada dos pilotos, a apresentação da Equipe Ipiranga FMX – Freestyle Motocross, show sertanejo universitário de Felipe e Ruan, e, enfim, a premiação.


Confira o resultado final de todas as categorias dos carros no site do Ibitipoca Off-Road: http://www.ibitipocaoffroad.com.br/site/wp-content/uploads/2014/08/ranking-carros-divulga.pdf?968884

Disputar o Ibitipoca Off Road já pode ser considerado, para muitos, a realização de um sonho.  Vencer a prova, então, nossa!

Veja o que o piloto disse sobre essa conquista:


1 – Como foi a semana depois da grande conquista?
Os dias após minha vitória no IOR 2014 foram mágicos. Parece que tirei um peso enorme das costas! rss... Estou leve e anestesiado. Ou melhor: REALIZADO!
O reconhecimento por um sonho conquistado é algo que todo ser humano deveria experimentar um dia.

2 – Em qual pessoa você mais pensou quando subiu ao pódio, tendo a certeza da vitória?
Pensei muito no meu amigo e 1° navegador, Danilo Dutra. Foi com ele os primeiros rallys... Primeiros sustos e aprendizados... Primeiras viagens...
Ano passado estávamos correndo juntos e por bobeira, no final do segundo dia do IOR, acabamos caindo para o 6° lugar e ficando fora do pódio.
Esse ano ele estava lá, como apoio, riu e chorou nos dois dias. Impossível não se lembrar dele. Com certeza também faz parte dessa conquista.

3 – Você dedicaria essa vitória no IOR 25 Anos a alguém em especial?
Dedico essa vitória exclusivamente à minha esposa, Letícia Araújo, que sempre me apoiou na preparação para o IOR 2014. Segurando a barra nos fins de semana longe dela e do nosso filho Gabriel de dois anos. Sem o apoio dela seria impossível focar nessa vitória, que sempre foi o meu sonho! Sonho esse realizado com a subida no lugar mais alto do pódio com o Gabriel no meu colo.

4 – O que representa vencer a prova?
Para muitos que estão de fora, este esporte pode parecer apenas um hobby, uma brincadeira. Mas, para mim, vencer o IOR foi muito além disso.
Foi um sonho realizado. Um objetivo alcançado. Um desafio vencido!
Todos meus amigos sabem que eu me preparei para essa prova. A preparação do carro, a compra dos equipamentos, a minha preparação psicológica, os treinos... Tudo foi pensado para vencer esse IOR 2014.
Então, vencer o IOR 2014, tem o sabor de dever cumprido.


5 – Qual é a sua atividade no dia-a-dia?
Sou empresário. Possuo uma empresa de softwares de auditoria eletrônica - a e-Auditoria Softwares como Serviço,  a qual também é minha patrocinadora máster.

6 – O que gosta de fazer nas horas de lazer?
Gosto de estar com a minha esposa e meu filho. De preferencia viajando!
E se essa viagem for para IBITIPOCA aí o cenário fica perfeito!!!

7 – Já está fazendo planos para o Ibitipoca Off Road do ano que vem?
Toda preparação e ansiedade para o IOR 2014 foi de muita intensidade para mim e toda minha família.  E, depois do objetivo alcançado, o sentimento para o ano que vem é de aproveitar.
Não sei se consigo, mas a minha vontade para o ano que vem é de subir Ibitipoca apenas para aproveitar o evento, que é TOP, e apoiar os amigos.
Sei que a subida para a categoria Graduados é iminente, mas não sei se meu coração aguenta mais um ano na pressão... rss...
Porém, deixo um recado para os outros competidores da Graduados, se a dupla Marcos Leal e Leonardo Martins for competir no ano que vem, se preparem, vamos dar muito trabalho!!!

8- Gostaria de acrescentar algum depoimento?
Gostaria de deixar um agradecimento muito especial para o grande amigo do Jipe Clube de Juiz de Fora, Kiko Santos, que acreditou na nossa vitória desde o inicio e que esteve presente em todos os momentos da prova, apoiando e pondo pressão para que não deixássemos a “peteca cair”. Rsss...
Parabenizo também o diretor de prova, Wagão, que preparou um excelente roteiro com belíssimas paisagens e médias gostosas de acelerar.

E, por último, e não menos importante, agradeço a todo os amigos da Araponga Rally Team que sempre estiveram presentes nessa conquista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.