sexta-feira, 20 de junho de 2014

Parque Hidromineral, em Raposo, é conhecido por suas águas terapêuticas


Nosso portal visitou o distrito de Raposo, em Itaperuna, no Rio de Janeiro, para trazer para vocês uma semelhança turística: a utilização de águas terapêuticas como atrativo turístico. O distrito de Raposo é famoso em todo o Brasil graças às suas fontes de água mineral, que são cheias de propriedades curativas que atraem turistas dos mais diversos municípios e estados.

Atualmente, Raposo possui dois parques de águas minerais com capacidades terapêuticas - o Parque das Águas Soledade e o Fontanário Raposo -, além de uma infraestrutura considerável para o turismo.

A primeira fonte foi descoberta em meados da década de 1930 pelo proprietário das terras e ficou conhecida como Água Santa do seu Raposo. Hoje, o rebatizado Fontanário Raposo compõe-se de três diferentes águas carbogasosas, cada qual com sabor e propriedades terapêuticas próprias.
A primeira fonte do Parque Soledade foi descoberta ao acaso no ano de 1935, quando empregados da fazenda do coronel Balbino Rodrigues da França Júnior abriam valetas para o escoamento de águas pluviais.
A água Soledade (também chamada magnesiana) possui efeitos terapêuticos para casos de doenças hepato-biliares, renais e pancreáticas, sendo também aconselhada no tratamento contra dispepsias e gastrites. De forma bem explorada, o turismo mineral na localidade é forte.



Redação | Paraíba do Sul AGORA






































Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.