quinta-feira, 5 de junho de 2014

Loja Maçônica Amor ao Próximo recebe grão-mestres Edmo Muniz Pinho e Marcos José

Loja completou 140 anos de fundação

A loja Maçônica Amor ao Próximo, de Paraíba do Sul, comemorou 140 anos na última terça-feira (03). E durante a solenidade de comemoração desta importante data, estiveram presentes na solenidade o grão mestre geral de Brasília Marcos José e do grão mestre do GOB do Rio de Janeiro Edmo Muniz Pinho.

            Estiveram presentes todos os integrantes da loja, além de lojas co-irmãs e diversas pessoas simpatizantes a loja. A solenidade também contou com representantes do grupo Demolay e diversas pessoas. O portal Paraíba do Sul Agora realizou total cobertura do evento.


HISTÓRIA: 140 DE EXISTÊNCIA DA LOJA MAÇÔNICA AMOR AO PRÓXIMO


 A Velha Província de 1683, criada no remanso do rio Paraíba, ao lado de uma lagoa dos índios Puris e não muito longe da Pedra Negra de Paraibuna, em plena Serra das Abóboras, pelo jovem bandeirante Garcia Rodrigues Paes, tornou-se o berço da liberdade com Joaquim José da Silva Xavier, o Tiradentes, da Pacificação com Caxias e do Progresso e Ordem com a República, com feitos de Benjamim Constant e do poeta Silva Jardim.

 Os Irmãos Guilherme Antonio Lopes e Hermenegildo Nunes Cardoso, foram os responsáveis pelo início de nossa Loja. Em 1874 eles  já pertenciam ao Grande Oriente do Brasil e deram início a fundação da Loja, ocasião em que veio do Rio de Janeiro uma Comissão para a Instalação da Loja situada a rua Direita. Foram eleitos para a primeira administração da Loja os seguintes Irmãos:
Ø    VM – Dr. José Gonçalves Viriato de Medeiros;
Ø    1º Vig – Joaquim Carlos da Silva Pinto;
Ø    2º Vig – Domingos Randolpho Ferreira dos Santos;
Ø    Orador – Rufino Furtado de Mendonça;
Ø    Secretario – Americo de Azevedo e Silva;
Ø    Tesoureiro – José Cordeiro do Couto
Ø    Deputado – Antonio Joaquim Ferreira
                        Para primeira administração do Capítulo foram eleitos os seguintes Irmãos:
Ø    Atherzata - Dr. Francisco Januário da Gama Cerqueira;
Ø    1º Gr. Vig – Dr. Rufino Furtado de Mendonça;
Ø    2º Gr. Vig. – Sabino Daniel de Moraes Reis;
Ø    Gr. Orador – Joaquim Carlos da Silva Pinto;
Ø    Gr. Secretario – Antonio Domingos de Mello

                                 O Dr. José Gonçalves Viriato de Medeiros, era filho de Antônio Viriato de Medeiros, coronel graduado de milícias, e de Maria Jerônima Figueira de Melo. Eram seus irmãos o ex-senador João Ernesto Viriato de Medeiros  e o desembargador Trajano Viriato de Medeiros. Pelo lado materno, era sobrinho de Jerônimo Martiniano Figueira de Melo e de João Capistrano Bandeira de Melo, formou-se em Direito na Faculdade de São Paulo e, transportando-se para Paraíba do Sul,  abriu banca de advogado e constituiu família. Também iniciou sua carreira política, sendo várias vezes vereador e presidente de Câmara Municipal. Foi promotor público de Cantagalo e depois, em 1859, de Cabo Frio, na província do Rio, foi deputado pelo estado do Rio de Janeiro não só à Constituinte como ao primeiro congresso republicano, já o Dr. Francisco Januário da Gama Cerqueira foi presidente da província de Goiás, de  8 de outubro de 1857 a 1 de maio de 1860 e ministro dos Negócios da Justiça do Império entre 15 de fevereiro de 1877 e 5 de janeirode 1878

                    Depois da fundação, nossa Loja trabalhou pela libertação dos escravos.  ¨...muitas vezes chegavam à Chácara do Cônego Sales, negros ainda com as vexantes argolas de ferro nos pés e pescoço, sendo necessário que o bondoso vigário e seus servos limassem aqueles ferros, que amarguravam e torturavam os pobres cativos. Esses escravos eram entregues à Loja Maçônica Amor ao Próximo e esta se encarregava de transportar os infelizes negros para os quilombos através de canoas, fazendo assim a abolição secreta e dando aos senhores de engenho grande prejuízo, com a perda de valor em material humano¨.

                               Logo após a abolição da escravatura, empenhada por muitos sul-paraíbanos, o poeta Silva Jardim veio ao Templo da Loja Amor ao Próximo anunciar o advento da República. Ao saberem sobre o fato, os escravocratas apedrejaram  e ameaçaram matar o tribuno, foi quando surgiu a senhora Ana Carolina, que cobrindo o grande orador com sete saias, o carregou até a estação de trem, ao lado da Matriz, e o embarcou para Barra do Piraí / RJ, junto com o Venerável Mestre Dr. Macário.
FOI INAUGURADO O TEMPLO CELSO RODRIGUES DE SOUSA

                   A proclamação da Republica em 1889 trouxe um período de instabilidade a Loja Amor ao Próximo, até que em 1895, por divergências internas entre os que apoiavam a Republica e o apoiadores da Monarquia a loja se desfez, sendo que os IIr. do quadro, logo em seguida no ano de 1897, se dividiram fundando a Loja União 2º e a Loja 25 de Março no Oriente de Entre Rios.

3 – RESTABELECIMENTO DA LOJA AMOR AO PRÓXIMO   
TAMBÉM FOI INAUGURADA A GALERIA DE FOTOS HIPÉRICLES GOMES DE CARVALHO
   
                          O capitão Abelardo de Almeida e Albuquerque, nascido em 04 de fevereiro de 1891, quando menino e aqui residindo com seu padrinho Francisco Emilio Otto, que era maçom, e que passava por momentos difíceis de finanças, teve um belo exemplo da união entre os Irmãos , quando ele foi socorrido pelos Irmãos da Loja União 2º, outra Loja que funcionava naquela época em nosso município, e lhe prestaram todo apoio naquele momento tão difícil.

                   Esta passagem nunca saiu da memória de Abelardo, mesmo ocorrida quando ainda era menino. Falecendo seu padrinho, o rapaz Abelardo ingressou na Marinha do Brasil, tendo chegado ao posto de capitão.
TODOS FORAM RECEPCIONADOS COM UM DELICIOSO COQUETEL

                   Foi iniciado maçom em 31 de agosto de 1923, na Loja Estrela do Rio nº0123, localizada no bairro de Todos os Santos no Rio de Janeiro. Voltou à Paraíba do Sul, comprou uma casa na rua Visconde do Rio Novo nº 238, atual rua do Rosário e convidou seu amigo e Irmão capitão José Claudio da Silveira, cujo nome foi dado a uma das mais belas praças de nossa cidade, situada em frente a Rodoviária Gonzalez ( hoje Praça Garcia Paes Leme) e estes resolveram estabelecer uma das Lojas existentes em Paraíba do Sul.

                    Os Irmãos convidados por esses dois, reuniram-se na casa do capitão Abelardo, lá entrou em discussão qual seria o nome a dar-se a Loja, surgiu uma dúvida: se fundariam uma nova Loja ou se deveria ser restabelecida uma das antigas Lojas deste Oriente – Amor ao Próximo ou União 2º. Depois de falarem diversos Irmãos, ficou resolvido por unanimidade, de acordo com a proposta do Irmão Joaquim Alves Fontes, que se restabeleceria a antiga Loja Capitular ¨Amor ao Próximo¨.

                   Proclamada a resolução de se restabelecer a Loja Capitular Amor ao Próximo, passou-se a processar a eleição da respectiva administração, e feita a apuração, sua Diretoria Provisória ficaria assim constituída:
    Presidente de Honra: Abelardo de Almeida e Albuquerque da Loja Estrela do Rio – Oriente do Rio de Janeiro.
Venerável Mestre: José Claudio da Silveira da Loja União 2º - Or. de Paraíba do Sul .
1º Vigilante: Vicente Bertoni da Loja 25 de Março – Or. de Entre-Rios- RJ.
2º Vigilante: Oswaldo Alves Fontoura da Loja 25 de Março – Or. de Entre-Rios /RJ.
Orador: Pedro Jacinto Pereira Filho da Loja José Bonifácio – Or. de Barra do Piraí / RJ.
Secretário: Bento Gonçalves Pereira da Loja 25 de Março – Oriente de Entre-Rios / RJ.
Tesoureiro: Saulo de Souza da Loja Regeneração Barbacenense – Or. de Barbacena – MG.

                         Estiveram presentes também a reunião os seguintes Irmãos:
               - Francisco Botelho da Loja Paz e Amor – Oriente do Rio de Janeiro
               - Joaquim Alves Fontes da Loja Obreiros do Irajá – Oriente do Rio de Janeiro                                     
                - Antonio Inácio Fernandes da Loja 25 de Março – Oriente de Entre-Rios
                - Bias Soeiro de Carvalho da Loja 25 de Março – Oriente de Entre-Rios
                - Edmundo Kuhlman da Loja Caratinga Livre – Oriente de Caratinga – MG
                    O Irmão Abelardo de Almeida e Albuquerque deu ciência aos Irmãos                     presentes  de haver recebido do Irmão Emilio de Freitas Brandão, da antiga Loja Capitular União 2º, algumas alfaias da Loja e estas passariam a servir agora à Loja Amor ao Próximo. Deu também conhecimento que havia decidido doar definitivamente o prédio de sua propriedade, situado a rua Tiradentes nº 110, hoje nº 119, para a Loja restabelecida.  

                    Posteriormente a Loja Amor ao Próximo transferiu-se para a rua Tiradentes, durante a venerância do Irmão Bento Gonçalves Pereira.      Nossa Loja teve atuação importante na área educativa, tendo em vista que a Escola Dr. Nilo Peçanha era onerada a Loja, no período de 1943 a 1951.Em 04 de julho de 1991 a Loja Amor ao Próximo recebeu o título de Grande Benfeitora da Ordem. Foi agraciada com a Condecoração Estrela da Distinção Maçônica e Condecoração Cruz da Perfeição Maçônica.

                   Temos ainda em nossa cidade praças  com nome de Irmãos que prestaram relevantes serviços  ao município:  - Joaquim Anastácio Costa, Carlos Canellas Leal e Mariano Aranha ( nome dado ao Teatro Municipal da cidade ). Por seus grandes feitos, destacaram-se na política Sulparaibana importantes maçons, tais como: Octacílio Leal de Moraes, que foi prefeito de Paraíba do Sul entre 1951 e 1955 e o Irmão Bento Gonçalves Pereira, que foi prefeito entre 1955 e 1959, sendo homenageado com o seu nome escolhido para uma importante avenida no centro da cidade ( rua Das Palhas ).
         Durante a gestão do Irmão Octacílio como prefeito do município, foi construída a atual Rodoviária Gonzalez, no centro da cidade.

4 – UNIÃO FRATERNAL
               Um feito histórico para a Maçonaria, foi quando a Loja Amor ao Próximo decidiu ceder o terreno existente nos fundos da Loja e que dá acesso a rua do Rosário para que fosse construída a Loja Vale do Paraíba, Loja esta filiada a Grande Loja do Estado do Rio de Janeiro, decisão que há época, foi baseada na união fraternal e no desprendimento material dos Irmãos da Amor ao Próximo, tendo resultado em um elo único e inquebrantável.

               Em 11 de agosto de 1990, foi fundada a ARLS Vale do Paraíba nº 108, sendo seu primeiro Venerável Mestre o Irmão Casemiro José dos Santos.
5 – PARTICIPAÇÃO FEMININA NA LOJA AMOR AO PRÓXIMO
               Todo maçom tem como dever respeitar e considerar a mulher como sua digna companheira, e assim, as esposas ou ¨cunhadas¨, designação usada de acordo com suas tradições, iniciaram no ano de 1985 uma ativa participação filantrópica.

               No ano de 2008, foi fundada a Fraternidade Feminina Cruzeiro do Sul Amor ao Próximo, sob a presidência da cunhada Rosalene Lacerda Matias Rodrigues de Sousa, a Téia. Fraternidade formada por esposas dos Irmãos que além de cuidar dos eventos festivos da Loja, vem ajudando na medida do possível a comunidade de Paraíba do Sul.

6 – DADOS HISTÓRICOS
               Desde o seu restabelecimento em 1940 até hoje, a Loja Amor ao Próximo nº 0295 contou com os seguintes Veneráveis Mestres:                    
                              1 – Irmão José Claudio da Silveira                       1940/1955
2 – Irmão Bento Gonçalves Pereira                     1955/1959
3   – Irmão Heitor Peixoto Guimarães                 1959/1965
4   – Irmão João Victorino Filho                           1965/1969
5   – Irmão Celito Leite Soares                              1969/1975
6   – Irmão Mariano Aranha                                  1975/1978
7   – Irmão José Laerte de Souza Barros             1978/1981
8   – Irmão Celito Leite Soares                              1981/1984
9   – Irmão Carlos Alberto Sheifer                        1984/1985
10 – Irmão Francisco Pacobayba Mattos             1985/1989
11 – Irmão José Basilio Filho                                 1989/1991
12 – Irmão Lauy Ferreira da Silva                        1991/1995
13 – Irmão José Nilson dos Santos                       1995/1997
14 – Irmão José Basilio Filho                                 1997/1999
15 – Irmão Hilton Alves Morais                            1999/2000
16 – Irmão Júlio Cesar Souza Pedroso                 2000/2005
17 – Irmão Hiperides Gomes de Carvalho           2005/2007
18 – Irmão Celso Rodrigues de Sousa                  2007/2011
19 – Irmão Kleber de Lima                                      2011/2013
               A Loja Maçônica Amor ao Próximo é uma das Instituições mais antigas do município de Paraíba do Sul.

·                                                                                                                                                   Tendo por base o ano de 2014:
1º - Igreja de Matozinhos ( capelinha )                               1773  -  241 anos
2º - Ponte sobre o Rio Paraíba do Sul ( ponte Velha )    1854  -  160 anos
3º - Igreja Nossa Senhora de Santana – Lavapés             1855  -  159 anos
4º - Igreja de Sant’Ana em Sebolas                                       1858  -  156 anos
5º - Igreja São Pedro e São Paulo e Igreja do Rosário    1860  -  154 anos
6º - Igreja de Santo Antonio                                                   1861  -  153 anos
7º - Loja Maçônica Amor ao Próximo                                 1874  -  140 anos

               A Loja Maçônica  Amor ao Próximo, ao longo desses 140 anos, fundou e ajudou a fundar diversas Lojas, algumas delas foram:
- Loja Pioneiros do Paraibuna – Comendador Levy Gasparian / RJ – onde seu primeiro Venerável Mestre foi nosso Irmão José Nilson dos Santos.
- Loja Teodórica de Pequiri / MG, Loja Cultura de Vassouras / RJ, Loja Verdadeira Amizade de Além Paraíba / MG, Loja Amor e Caridade V de Petrópolis / RJ, Loja 25 de Março de Três Rios / RJ, Loja Bandeirantes do Século XX de Pinheiral / RJ, Loja Vale do Paraíba – P.do Sul / RJ, além dessas, nosso Irmão Osmar Ruzzi fundou no Estado do Espírito Santo mais 11 Lojas filhas da Loja Amor ao Próximo. 


7 – CONCLUSÃO
               A Maçonaria é uma Instituição essencialmente iniciática, filosófica, educativa, filantrópica e progressista. Proclama a prevalência do espírito sobre a matéria. Pugna pelo aperfeiçoamento moral, intelectual e social da humanidade por meio do cumprimento inflexível do dever, da prática desinteressada da beneficência e da investigação constante da verdade. Seus fins supremos são: a LIBERDADE, a IGUALDADE e a FRATERNIDADE.

               A filantropia praticada procura atender aos vários pedidos de ajuda, sempre na medida do possível e conforme descrito em nossa Constituição e em nossos Landmarks. A ARLS Amor ao Próximo, vem ao longo desses 140 anos cumprindo o  mais fundamental ensinamento do nosso Divino Mestre ¨amai-vos uns aos outros, assim como Eu vos amei¨, esse princípio carregamos no nome – AMOR AO PRÓXIMO 

MAIS FOTOS MAIS INFORMAÇÕES






































































































































Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.