segunda-feira, 30 de junho de 2014

Bordadeiras de Paraíba do Sul na exposição “Potência do Objeto”, no Centro de Referência do Artesanato Brasileiro


Entre vários artesãos de todo o Brasil, somente dois grupos de artesãos do Estado do Rio de Janeiro foram selecionados para a 1ª. Exposição no espaço do Centro de Referência do Artesanato Brasileiro, na Pça Tiradentes, 67, na Cidade do Rio de Janeiro.
Em Paraíba do Sul, tudo iniciou com o resgate da técnica do “ retalho bordado” pela Zilene Portas.  Depois, a Coordenadora do Projeto Artesão, do Senac, Maria Inês Garcia convidou Zilene que repassou essa  técnica para o grupo de bordadeiras.
O grupo se estruturou através da Associação de Bordadeiras de Werneck, ganharam um ponto de cultura  e passaram a produzir colchas, cintos, bolsas e outros produtos.

A outra artesã  Eponia, de Porciúncula, um artista que através do bordado, comunica-se com o seu público. Ela repassou a técnica do seu bordado para toda a região do Noroeste Fluminense, ficando a marca desse tipo de bordado na região.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.