segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Aniversário de Paraíba do Sul acontecerá amanhã e não terá eventos cívicos nem sociais



O município de Paraíba do Sul, no Vale do Café, completará 180 anos de emancipação amanhã, dia 15 de janeiro. Muito antes da elevação da vila a município, o local já era habitado por figuras importantes do cenário regional e nacional.
A cidade guarda hoje um belo cenário arquitetônico e uma vasta história preservada. Levando o nome do principal rio do Estado, a busca pelo ouro nas águas do Paraíba foi o primeiro impulso para o surgimento de habitações na localidade.
Em 1681 Garcia Rodrigues Paes, filho do lendário Fernão Dias, foi considerado o descobridor de Paraíba do Sul. Ainda jovem, com apenas 20 anos, ele sabia que o rio poderia lhe trazer muitas riquezas. Dois anos após a chegada na localidade, Garcia começou a construir a fazenda que daria o nome ao município. Com a falta do ouro, o jeito foi investir na agricultura e na caça nas matas virgens, ajudados pelos índios puris escravizados.
Em seu Facebook, Marcinho afirmou que comemorará o aniversário da cidade em Abril: "A partir deste ano passaremos a comemorar nosso aniversário em abril, quando completamos 330 anos. É quando realmente aniversariamos, quando Garcia Rodrigues Paes chegou a nossa terra. Não temos só 180 anos, vamos completar 330 e não podemos jogar 150 anos de história fora. Na Bahia eles dizem que tem 500 anos, contam desde a chegada de Cabral e isso enriquece a história. Além disso, abril é um mês que quase não chove e poderemos realizar um evento onde todos possam comemorar o aniversário de Paraíba do Sul" –afirmou o prefeito.