quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Paraíba do Sul é destaque na TV Alerj com Turismo Religioso


A equipe do programa “Caminhos do Rio” da TV Alerj realizou reportagem nesta semana em Paraíba do Sul sobre o Turismo Religioso

         A equipe de reportagem da TV Alerj, canal de televisão da Assembléia Legislativa do Rio de Janeiro esteve em Paraíba do Sul nesta terça - feira, 06 de novembro, entrevistando o prefeito Gil Leal, a presidente da Fundação Cultural, Ligia Vaz, os padres, Márcio da paróquia de Matozinhos, Waldir da paróquia de Santo Antonio e frei Luiz Fernando da Matriz São Pedro e São Paulo. Além das entrevistas a equipe documentou os vários atrativos históricos, turísticos e religiosos do município. A reportagem vai mostrar diversos pontos turísticos de Paraíba do Sul. 
         A gravação faz parte do programa “Caminhos do Rio”, transmitido pela emissora às quintas – feiras. O programa tem abordagem turística, cultural e religiosa, com edições semanais que apresentam os diversos municípios que integram o Estado do Rio.  
         Durante a entrevista, comandada pelo ancora Luiz Carlos Pugialli, o prefeito Gil Leal falou sobre vários pontos e atrativos turísticos de Paraíba do Sul, principalmente do turismo religioso, que é realizado no município, com festas religiosas, como a tradicionalmente conhecida festa do Bom Jesus de Matozinhos, que acontece sempre no final do mês de agosto atraindo cerca de quatro mil fieis todos os anos. E discorreu ainda sobre alguns pontos turísticos do município, como o Parque das Águas Minerais, o Teatro Municipal Mariano Aranha, com apresentações diárias. Além do Centro Cultural Maria de Lurdes T. S., o Cinema Popular Nívea Stelmman, o Museu de Tiradentes no distrito de Sebolas, o trenzinho da Maria Fumaça, entre outros. E encerrou dizendo que o município tem como carro-chefe a hospitalidade atraindo mais turistas nesse sentido.
         A presidente da Fundação Cultural Ligia Vaz contou um pouco da história da Paróquia de Matozinhos e da Praça Marques de São João Marcos. “A Praça Marques de São João Marcos foi o primeiro núcleo de povoamento do município, nas margens do rio Paraíba do Sul, terra dos índios Puri. Garcia Rodrigues Paes, que abrindo o “Caminho Novo” das Minas Gerais para o porto do Rio de Janeiro, fez aqui o seu “pouso”. Em 1715, Garcia edificou no local uma capela em louvor a Nossa Senhora da Conceição da Santa Virgem e dos Apóstolos São Pedro e São Paulo. O coreto, tombado pelo Instituto Estadual de Patrimônio Cultural – INEPAC, localiza-se no centro da grande praça, com paisagismo típico do segundo reinado, assinalado pelos renques de 60 palmeiras imperiais, plantadas em novembro de 1868, colocadas em fileiras em formato de cruz. O coreto de refinada execução foi construído por Francisco Ferreira Ribeiro, o “Chico do Sossego”, no início do século XX, com base de pedra sextavada e cobertura metálica com lambrequim sustentada por seis pilares que apóiam o gradil de ferro, trabalho detalhado do ferreiro Augusto Batista Ferreira. Era o local de antigas retretas, onde havia apresentações de bandas musicais da cidade. A praça teve anteriormente outros nomes: Largo das Palmeiras, Jardim Municipal e Praça Marques de São João Marcos, em homenagem a família Paes Leme. O jardim de influência do romantismo inglês proporciona a sensação de integração à natureza, com seus canteiros, espelhos d’água, repuxos, fontes e aconchegante bosque”.  “O Santuário Bom Jesus de Matozinhos fica localizado no distrito de Werneck, a ocupação inicial do local foi em meados do século XVIII, com camponeses portugueses oriundos da Vila de Matozinhos, que ali se fixaram na vertente oriental da Serra do Sucupira, abrindo roças de subsistência  com pequenas plantações e algum gado.Devotos do Bom Jesus, por volta de 1773 ergueram no local uma pequena ermida de pau-a-pique, em louvor a Bom Jesus Crucificado. Com a freqüência de fiéis, romarias e pagamento de promessas, é elevada a Curato por volta de 1776. Com a ajuda de Pedro da Costa Lima, o antigo templo serviu ao povoado até 1862, quando foi demolido. No mesmo ano, por iniciativa do Sr. Martinho Álvares da Silva Campos, então proprietário da Fazenda do Matozinhos de Sardoal, foi construída uma capela de maior porte arquitetônico, que possuía altar-mor e dois altares laterais, com imagens belíssimas, especialmente a do Bom Jesus Crucificado. A atual igreja teve sua pedra fundamental lançada em 1953 e foi concluída em 1959, pelo pároco italiano Luiz Raymondo. A grande romaria acontece, anualmente, no último domingo de agosto, onde os fiéis dão graças e pagam promessas pelos milagres alcançados. No local existe uma “sala dos ex-votos” com testemunhos milagrosos, desde o século XVIII, numa demonstração de devoção ao santo milagroso” – contou. “Como pesquisadora, para mim é motivo de orgulho poder falar um pouco sobre Paraíba do Sul. O programa ‘Caminhos do Rio’ representa uma excelente oportunidade de divulgação do nosso trabalho, da cidade, o que, certamente, dará visibilidade à Paraíba do Sul” - avaliou a Presidente da Fundação Cultural.
         Os padres ressaltaram sobre a fé do povo sul paraibano, das festas religiosas que acontecem todos os anos em suas Igrejas atraindo uma multidão de fieis e lembraram também sobre a importante Jornada Mundial da Juventude, que é realizada a cada dois anos, disseram que suas paróquias já estão divulgando e esclarecendo sobre o evento, assim desapertando maior interesse aos religiosos. Encerraram a entrevista abençoando a todos.
         A Jornada Mundial da Juventude da Igreja Católica ressaltada pelos padres durante a entrevista, acontecerá em 2013 entre 23 a 28 de julho, onde aproximadamente 2 milhões de jovens peregrinos de diferentes nacionalidades estarão no Rio de Janeiro, centena deles se hospedarão nas cidades de Petrópolis, Magé, Guapí, São José do Vale do Rio Preto, Areal e Teresópolis e terá a presença do Papa Bento XVI. Todo o evento conta com o apoio dos governos municipal, estadual e federal. A jornada inicia com uma corrida rústica de 5 km que será das 8:00 horas as 12:00 horas no dia 22 de julho de 2012. Maiores informações sobre toda a programação da Jornada Mundial da Juventude pelo site: www.rio2013.com
         O programa “Caminhos do Rio” surgiu da necessidade de aproximar a capital para o interior e fala de turismo valorizando a religiosidade de cada cidade e tem como objetivo divulgar as potencialidades turísticas das regiões visitadas, sempre com enfoque no roteiro religioso. O programa é um importante instrumento de divulgação da história, da cultura e dos atrativos que as cidades têm para apresentar. Ao assistir Caminhos do rio você vai conhecer a historia que constrói o Estado do Rio de Janeiro.
         Ao longo dos quatro anos em que o programa está no ar já percorreu todos os 92 municípios do estado do Rio de Janeiro, visitando cidades brasileiras como Salvador e Belém, além de coberturas internacionais no Canadá e nas cidades de Roma, Paris, Madri e Buenos Aires.
         Durante esta semana a equipe do programa Caminhos do Rio visitou o município de Paraíba do Sul, no estado do Rio de Janeiro, como objetivo de permitir à atual gestão um balanço das principais realizações. A idéia veio à partir da constatação de que o município passou a integrar de forma positiva o cenário de avanços obtidos no estado.
         A edição sobre o turismo de Paraíba do Sul irá ao ar na quinta-feira, dia 15 novembro, às 22:00 horas, com reprise no sábado,17, e no domingo,18, às 10:00 horas da manhã. Para assistir, basta sintonizar na TV Alerj, no canal 12 pela Net ou pela internet pelo site www.tvalerj.tv.