quinta-feira, 1 de dezembro de 2011



            A III Conferencia do Deficiente Auditivo de Paraíba do Sul, realizada nesse dia 29 de novembro no Clube social com o Tema: O Fazer inclusivo em foco, Teve mais de 150 professores, e profissionais de saúde . Profissionais de Petrópolis, Três Rios, Além Paraíba, Juiz de Fora, Levy Gasparian entre outros prestigiaram os profissionais da ADAPS. Sem contar com as presenças internacionais no evento: Don e Ruth Waterhouse Ingleses e os casal de Franceses Yves e Leandra Duchemin .
            Para um evento dessa magnitude dar certo é necessário uma equipe bem formada, e a ADAPS tem essa equipe: A Psicopedagoga Marilea , as fonoaudiólogas Valeria e Jaqueline, professora Luana, Administração Carlos Bernar , Diretora Jurídica Rita Xavier e Presidente Marco Xavier, Professora de musica Fernanda, voluntárias Rosana que trabalha no Sul Paraíbano, mais um grande grupo de colaboradores. A palestrante que abriu o evento foi Cris Auad, depois foi a vez da fono Jaqueline , a fono Valéria e depois a Professora Mariléa.
            Nossos observadores internacionais ficaram impressionados com todo movimento e principalmente com a atenção das pessoas que ali estavam. Mesmo com um barulho que vinha de fora , os brasileiros que estavam no evento ficaram ligados e prestando atenção. Alguns professores que dependiam de condução tiveram que sair mas deixaram contatos para encaminharmos os certificados. Segundos nossos observadores Paraíba do Sul esta de Parabéns.
            Um dos pontos marcantes foi a apresentação dos alunos da ADAPS que fizeram bonito . Os alunos, Sheila, Marco Roberto e Mauri são um exemplo de inclusão. Bem preparados estão interagindo de forma admirável .
            O Secretario de Direitos Humanos João Soares veio representando o Prefeito Gil Leal e o Vice Canela que tiveram que viajar para Brasília .
            O Secretário Maninho, da área de comunicação veio e cobriu todo evento. Bem como O Ricardo Nascimento veio prestigiar. Isso não tem preço.
            O presidente da ADAPS Marco Xavier agradece de coração , toda atenção e interesse dos participantes no evento. A formulação de perguntas, enfim todos participaram e muito e pela primeira vez passamos um pouco do Tempo.
            Legal também é o trabalho desenvolvido pelo Instituto Emanuel que trouxe alunos dançarinos surdos e deficientes auditivos, que dançaram e derão o seu recado.
            Agora fica a pergunta no AR: Quem tem alunos deficientes auditivos fora da ADAPS sem ser acompanhado em pelo menos em um instante de sua caminhada esta perdendo a chance de ter uma experiência única.
            Ao final só se ouvia o seguinte: Agora estou mais seguro sei para onde ir sem precisar de orientação. È isso que procuramos: O fazer inclusivo. Vamos ajudar essas crianças , e só tem uma forma é fazendo informação, compartilhando idéias e criando novas saídas e por que não dizer caminhos .
            Recebemos várias propostas e isso vai fazer a diferença a partir de agora na vida dessas crianças.


               Dra. Rita de Cássia Xavier da Silva Beraldo
                (Diretora Jurídica) 
               
 ADAPS - Associação do Deficiente Auditivo
         de Paraíba do Sul
          www.adaps.org.br
















































                            

                    

Nenhum comentário:

Postar um comentário

COLOQUE SEU NOME NO COMENTÁRIO PARA QUE ELE SEJA ACEITO. Antes de ser publicado, seu comentário será lido pela administração do nosso portal para que possamos assegurar que não exista nenhum tipo de palavreado chulo, de baixo calão, denúncia sem prova, críticas desnecessárias ou quaisquer tipo de difamação ou calúnia. Caso seu comentário venha contribuir para a formação de opinião dos nossos leitores, ele será aceito e postado na íntegra.